PENSAR "GRANDE":

***************************************************
[NÃO TEMOS A PRESUNÇÃO DE FAZER DESTE BLOGUE O TEU ''BLOGUE DE CABECEIRA'' MAS, O DE APENAS TE SUGERIR UM ''PENSAR GRANDE''].
***************************************************


“Pode-se enganar a todos por algum tempo; Pode-se enganar alguns por todo o tempo; Mas não se pode enganar a todos todo o tempo...” (Abraham Lincoln).=>> A MÁSCARA CAIU DIA 18/06/2012 COM A ALIANÇA POLÍTICA ENTRE O PT E O PP.

----

''Os Economistas e os artistas não morrem..." (NHMedeiros).

"O Economista não pode saber tudo. Mas também não pode excluir nada" (J.K.Galbraith, 1987).

"Ranking'' dos políticos brasileiros: www.politicos.org.br

=========
# 38 RÉUS DO MENSALÃO. Veja nomes nos ''links'' abaixo:
1Radio 1455824919 nhm...

valor ...ria...nine

folha gmail df1lkrha

***

sexta-feira, outubro 25, 2013

QUEM LÊ TANTA NOTÍCIA?

SINOPSES - RESUMO DOS JORNAIS

25 de outubro de 2013

O Globo

Manchete: Contas públicas: TCU alertou para risco de dívida; governo reage ao FMI
Para tribunal, renegociação com estados e municípios é precedente perigoso.

Após críticas do Fundo, presidente diz que Brasil está comprometido com o pacto fiscal.

A mudança na correção das dividas de estados e municípios com a União, aprovada anteontem pela Câmara, é um risco às contas públicas e cria precedente perigoso. O alerta foi feito, em agosto, pelo TCU. Para o Tribunal o alívio nas dividas de K$ 462 bilhões vai pesar nos cofres da União e incentivar "endividamento excessivo com base na crença de socorro financeiro" Apesar do relatório, Câmara e governo apoiam a proposta. Após crítica do FMI à política de gastos públicos no Brasil, a presidente Dilma e o ministro Mantega disseram que o país está comprometido com o pacto fiscal. (Págs. 1 e 23, 24 editorial "Receita para rebaixar a nota de risco do Brasil”)

Fim da greve: Volta às aulas na rede estadual
Reposição de conteúdo será feita aos sábados e, nos dias de semana, após o horário regular.

Em assembleia ontem no Clube Municipal, na Tijuca, cerca de 300 professores da rede estadual seguiram as recomendações de dirigentes do Sindicato Estadual dos Profissionais de Ensino (Sepe) e aprovaram o fim da greve, iniciada em 8 de agosto. No entanto, a categoria aprovou proposta de permanecer em estado de greve e pode voltar a paralisar os trabalhos, caso o acordo firmado no STF não seja cumprido. Para repor o conteúdo pedagógica perdido, haverá aulas aos sábados e, nos dias de semana, após o horário regular. A previsão é que a reposição deverá ir até janeiro de 2014. Já os professores da rede municipal fazem assembleia hoje. (Págs. 1 e 13)

PF prende grupo que traficava mulheres (Págs. 1 e 9)

Nova era do pré-sal: Dilma: reação ao leilão é xenofobia
Em discurso para prefeitos, a presidente Dilma chamou de “absurda xenofobia" as críticas à presença de companhias estrangeiras no consórcio vencedor do leilão do Campo de Libra. Ele é formado por Petrobras, duas estatais da China, a francesa Total e a anglo-holandesa Shell. (Págs. 1 e 24)
Colunistas
Ancelmo Gois

Rio calcula que perde RS 26 bi com o leilão de Libra. (Págs. 1 e 16)

Míriam Leitão

Segundo Graça, defasagem na gasolina é de 6,5%. (Págs. 1 e 24)

Aliados revoltados: EUA espionaram 35 líderes, diz jornal
Segundo "The Guardian" os EUA vigiaram telefonemas de 35 líderes. A chanceler alemã e o premier italiano disseram que a ação é inaceitável. (Págs. 1 e 29)
Aliança ameaçada: Em 11 estados, PMDB e PT são adversários
Aliados no Planalto, PMDB e PT devem caminhar separadas nas disputas eleitorais em 11 estados, que concentram 68% do eleitorado. (Págs. 1 e 3)
Ibope: Dilma venceria no 1º turno
Pesquisa Ibope mostra Dilma com 41%, Aécio com 14% e Campos com 10%. (Págs. 1 e 4)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo

Manchete: Dilma venceria Campos e Aécio no 1º turno, diz Ibope
Com Marina no lugar do governador de Pernambuco, porém, oposição teria mais chance de ir para 2º turno

Pesquisa Ibope em parceria com o Estado mostra que, se as eleições fossem hoje, Dilma Rousseff (PT) venceria com facilidade, e no primeiro turno, seus prováveis adversários Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). Com Marina Silva no lugar de Campos, porem, a oposição reforçaria as chances de levar a disputa para o segundo turno. Em uma eventual segunda rodada, porém, Dilma venceria com folga Marina, Campos, Aécio e José Serra (PSDB). Nas simulações de primeiro turno, Dilma aparece cora 39% a 41% das intenções de voto nos quatro cenários avaliados pelo Ibope. Em três desses cenários, ela teria hoje mais do que a somadas preferências pelos adversários condição necessária para vencer no primeiro turno. A vantagem da presidente (41%) é folgada quando seus adversários são Aécio (14%) e Campos (10%). Nesse quadro, Dilma tem 17 pontos percentuais mais do que a soma dos concorrentes. Mas José Serra (PSDB) ainda não desistiu de se lançar candidato. Ele teria 18%, quatro pontos mais que Aécio. (Págs. 1 e Política A4)

‘Improvável não é impossível’

O ex-governador José Serra (PSDB) admitiu ontem, em Salvador, que “gostaria" de ser presidente da República. Ao ser questionado sobre a definição do candidato tucano em 2014, ele observou que “o improvável não é impossível". (Págs. 1 e A5)

União cobra Porto de Suape, do governo de Pernambuco
O novo ministro da Secretaria Especial de Portos, Antônio Henrique Silveira, determinou pente-fino em contratos com o Porto de Suape, administrado pelo governo de Eduardo Campos (PSB-PE). A Presidência mandou Pernambuco devolver aos cofres federais R$ 13,8 milhões repassados pela União. O motivo são problemas constatados há mais de dois anos em obras. O Porto de Suape diz que cumpre os contratos e ameaça tomar as “medidas cabíveis administrativas e, eventualmente, judiciais” sobre o caso. (Págs. 1 e Política A6)

Rota do Porto de Suape

“O termo de compromisso com a SEP para a obra foi no valor de R$ 89 milhões. No entanto, a União só repassou R$ 72,6 milhões.

Explosão em prédio fere 30 em Brasília
Mulher com intoxicação por gases é socorrida em Brasília; prédio-sede dos Ministérios dos Transportes e das Comunicações teve de ser esvaziado após explosão provocada por problema na subestação da CEB, distribuidora de energia do Distrito Federal. O saldo foi de 30 pessoas feridas sem gravidade. (Págs. 1 e Metrópole A17)
Washington espionou 35 líderes, revela jornal
Documentos do serviço secreto americano, publicados ontem pelo jornal britânico Guardian, revelam que 35 líderes mundiais foram espionados. Entre os casos descobertos estão o da presidente Dilma Rousseff, da chanceler alemã, Angela Merkel, e do governo francês. Dilma disse ontem que alegações de combate ao terror são um “álibi” para uma “guerra cibernética”. (Págs. 1 e Internacional A14)
Irã parou de enriquecer urânio a 20%, diz político
Hossein Hosseini, integrante da Comissão de Segurança Nacional do Congresso iraniano, disse ontem que o Irã interrompeu o enriquecimento de urânio a 20%, nível usado para pesquisas médicas, mas visto com ressalvas pelo Ocidente. (Págs. 1 e Internacional A11)
Fotolegenda: Resgate e abandono
Beagle retirado do Instituto Royal é achado na rua em São Roque. Diretores negaram que os cães sofriam maus-tratos. (Págs. 1 e Metrópole A18)
Para destravar concessão, Valec será remodelada
O governo vai remodelar a Valec, estatal com histórico de atrasos e superfaturamento de obras, para tentar destravar a concessão de ferrovias. A empresa também deve receber mais verba. Hoje está previsto aporte de R$ 15 bilhões. (Págs. 1 e Economia B1)
CPI insiste em ouvir direção da Alstom (Págs. 1 e Política A10)


Governo blinda redação do Enem (Págs. 1 e Metrópole A20)


Fernando Gabeira 
Biografias Inacabadas

Os artistas têm um grande papel na superação das ruínas, sobretudo as de Brasília. Precisamos viver a vida, cuidar mais da bio que da grafia. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

Notas & Informações
Licença para emitir moeda

A LRF sofreu golpe com a mudança do indexador das dívidas de Estados e municípios com a União. (Págs. 1 e A3)

------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense

Manchete: Curto-circuito em prédio leva pânico à Esplanada
Por volta das 17h, servidores ouviram um estrondo. Eletricistas faziam reparos em subestação da CEB quando houve um curto-circuito e até princípio de incêndio. Faltou energia e, em seguida, uma fumaça negra subiu do subsolo e se espalhou, via sistema de ar-condicionado central, pelos nove andares do edifício onde funcionam o Ministério dos Transportes e o das Comunicações. 0 ministro César Borges estava em reunião com o presidente da CNBB, dom Raymundo Damasceno. “A fumaça atingiu a sala de reunião. Desci com o ministro e com o bispo pela escada de emergência", contou um assessor de Borges. Houve corre-corre, e muita gente entrou em pânico. Pelo menos 30 pessoas passaram mal e foram socorridas por bombeiros. Dezoito tiveram de ser levadas para o Hran. (Págs. 1 e 19)
Espionagem: Europeus abrem guerra a Obama
Após novas denúncias de que 35 líderes mundiais tiveram as comunicações violadas, Alemanha e França elevam críticas e cobranças aos EUA. (Págs. 1 e 14)
Salários: Servidor no topo da renda nacional
A remuneração média da categoria é de R$ 3,2 mil, quase o dobro da iniciativa privada (R$ 1,7 mil). As domésticas têm os piores ganhos: R$ 800. (Págs. 1 e 8)
Ministro do STF prega voto aberto na Câmara do DF
Em decisão polêmica, o TJDF determinou que a Casa julgue o processo de cassação do distrital Raad Massouh em sessão secreta. Mas, para o ministro Marco Aurélio Mello, do STF, o legislativo local tem autonomia para fazer a votação aberta. (Págs. 1 e 25)
------------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário: